terça-feira, 17 de junho de 2008

Te Fodo Em Todos Os Teus Mundos De Sonhos De Gozo


Em uma ocasião notável,

Lilith,

Te encontro adormecida.


Não sabias que tu,

Senhora Mãe Lilith,

Era de adormecer no Leito

Do Teu Templo.


Estou surpreso

Por ter Te visto

Adormecida?


Eu estou,

Talvez esteja,

Estive,

Talvez não estive,

Estarei,

Talvez não estarei.


Sejas Tu

Uma Deusa,

Uma Entidade,

Uma Acima Dos Deuses,

Uma Acima Das Entidades,

Não tens que seguir o que

Deuses e Entidades

Seguem na direção

Das Leis Cósmicas.


Tu És Senhora,

Lilith,

Do Teu Ser,

Do Teu Templo,

Dos Teus Corpos,

Dos Teus Sentidos,

Dos Teus Sentimentos,

Dos Teus Momentos.


E Tu adormecida,

Daquele modo deitada,

De costas para mim,

Deixando aparecer a carnosa

Bunda que tanto chupo

Por horas de demente prazer,

Me fez praticar uma técnica

E até Ti me desdobrei.


Nos Teus Sonhos,

Os Sonhos De Lilith,

Estive,

E as lembranças

Das Nuvens Brancas

E Das Trevas Vermelhas,

Das Montanhas Negras

E Das Serras Prateadas,

Teus Mundos,

Tuas Enseadas,

São lembranças de quem possui

Chaves De Todas As Abismais

Lembranças.


Tilintar de orgias,

Mil homens

Com dois mil homens,

Mil mulheres

Com duas mil mulheres,

Dois mil homens

Com uma mulher,

Duas mil mulheres

Com um homem...


Tilintar de bizarras visões,

Homens

Com éguas,

Mulheres

Com cavalos,

Homens

Com cavalos,

Mulheres

Com éguas...


Coitos dos mais

Vários,

Idades inexistentes,

Leis morais inexistentes,

Mundos Livres,

Livres Mundos...


Tu me vistes lá,

Lá em cada um deles,

E me lançou em todas

As orgias

E depravações

Mais dementes!


Tive nos braços

Mil homens

E duas mil mulheres,

Abri cada cu

Como tarado desesperado,

Enfiando enfiando enfiando

Meu pau

Com um tremor

Desgraçado!


Tive fome,

Fome de suor,

Lambi o suor

De todos dos Teus Mundos,

Os Mundos Dos Sonhos

De Lilith,

Rasguei O Tecido Das Minhas

Nomeavéis Sanidades,

Vesti O Tecido

Da Inominável Loucura

De Ser Inominável Filho

Teu!


Louco,

Louco,

Louco,

Louco,

Em Teus Mundos

De Sonhos,

Lilith,

Fodendo,

Fodendo,

Fodendo,

Fodendo,

Fodendo,

FODENDO,

FODENDO,

FODENDO,

FODENDO,

FODENDO,

FODENDO,

FODENDO!!!


SONHOS E FODAS

NO MUNDO

DAS CHUPADAS DESTEMIDAS!!!


SONHOS E FODAS

NO MUNDO

DAS CHUPADAS ASSASSINAS!!!


SONHOS E FODAS

NO MUNDO

DOS ANAIS DE MIL DIAS!!!


SONHOS E FODAS

NO MUNDO

DOS ANAIS INFINITOS!!!


SONHOS E FODAS

NO MUNDO

DE CHUPADAS EM MIM

QUE FORAM DESTEMIDAS!!!


SONHOS E FODAS

DO MUNDO

DE CHUPADAS QUE DEI

ASSASSINANDO VADIAS

E ASSASSINANDO VADIOS!!!


SONHOS E FODAS

DO MUNDO

DE ANAIS QUE PRATIQUEI

DURANTE MIL DIAS!!!


SONHOS E FODAS

DO MUNDO

DOS ANAIS QUE PRATIQUEI

DIANTE DO INFINITO!!!


E TU ACORDASTES!!!


E TU ACORDASTES!!!


E TU ACORDASTES!!!


E TU ME ACORDASTES

LOGO QUANDO

EU ESTAVA

NO MUNDO

DAS FODIDAS FANTASIAS,

NO MOMENTO EM QUE EU

REALIZARIA A FANTASIA

DE FODER

COM A VIRGEM MARIA!!!


Lilith,

Melhor que fiques acordada,

Tu estragastes naquele dia

A minha mais deliciosa fantasia

Ainda não-cumprida...


Inominável Ser

AINDA SONHANDO EM FODER

COM A VIRGEM MARIA

NO MUNDO

DAS FODIDAS FANTASIAS

DE LILITH





Nenhum comentário: