terça-feira, 20 de janeiro de 2009

A Meia-Luz Realizadora Do Balanço Preferido


Corpo: Respeitador Naturalíssimo Da Representação E Apresentação Do Existir Ao Movimento Naturalizante Das Altas Forças Cósmicas Das Estâncias Evolutivas



Quarto distante

Em uma cabana

Que oferece deleites

Apenas referente

Aos tipos de leite

Bebidos dos seios

De Sarah Jay

E de toda Vênus

Da Pornográfica Arte


É um quarto

Que oferece as graças

De ser da madeira

Na qual foram estupradas

E estuprados

Os Filhos Da Judéia

Pelas legiões romanas

De Glaucus Tulius Publius

Em esquecida época


O quarto

A madeira do quarto

Ainda cheira a sangue

Ainda cheira a medo

Ainda cheira a desespero

Ainda cheira à vergonha

De cada judeu

De cada judia

Estuprados


Me delicio sentindo

Esses odores

Minha Lilith

Tu também aprecias

Estamos neste quarto

Construido por mãos

De psicopata sanguinário

E em uma época

De desgraçados quartos


Meia-luz faz-se aqui

Nos balançamos

Nos balançamos em ritmo

De silencioso aproveitar

De nossos músculos

E órgãos

Unindo-se na felicidade

Do festim altíssimo

De uma trepada


Meia-luz aqui feita

Ao longe

Nada perto

Perto

Nada longe

Apenas o balanço

Dos nossos corpos

Mexendo-se finos

Na refeição gostosa


Meia-luz

E o meu caralho

Vai entrando forte

Na tua xana

O Caminho Das Xanas

Eu descubro

Com a intuição de um

Navegante formidável

Rebolativo


Meia-luz

Caralho meu

Xana Tua

Rebolado meu

Rebolado Teu

Quentura

Quentura

Quentura

Quentura


Meia-luz

Rebolamos

Rebolamos

Rebolamos

Athamay começa a tocar

Eternal Torture

Eterno rebolar

Eterno rebolar

Eterno rebolar


Meia-luz

Entre o sol a ser

Moribundo

E a lua negra a nascer

No firmamento

Da Terra a rebolar

Trevas em espasmos

Rebolativos

Nas Luzes rebolativas


Meia-Luz

Meu caralho rebolativo

É O Sol Negro

Sua xana rebolativa

É A Lua Negra

O Casal Completo

O Casal Rebolativo

Homem Da Meia-Luz

Mulher Da Meia-Luz


Meia-Luz

Lilith

Lua Negra Lilith

De Xana Maior

Que A Xana

Das Esferas

Xana Rebolando

Xana Rebolando

Xana Rebolando


Meia-Luz

Arte Do Rebolado

Minha Lilith

Do Rebolado

Tua Alta Xana

Vai engolindo

Meu caralho

Todo rebolativo

Todo meio-luzidio


Meia-Luz

Naquele quarto

Neste quarto

Em todo quarto

Estamos ofegantes

Orgasmos presentes

Rebolar do meu caralho

Rebolar da Tua Xana

Quadris dançando


Meia-Luz

Meu caralho

Tua xana

Nossos quadris

Em uma dança

A Dança Dos Vampiros

No Quarto Depositário

Do Choro De Milhares

Que Excita


Meia-Luz

Nossos quadris

Rebolando

Rebolando

Rebolando

Rebolando

Já entrei

Já entrei

Já entrei


Inominável

REBOLANDO

SEU CARALHO

LÁ DENTRO

DA XANA

DE

LILITH







Nenhum comentário: