terça-feira, 20 de janeiro de 2009

Vossa Intelectualizante Habilidade Lingüística!!!


Corpo: Paraíso Presente Na Pendente Pensante Instância Do Chamado Dominante Do Ser Que Se Expande Nas Suas Elementariedades



Não é estranha

A minha estadia

Em um monumento

Que é feito

Pelo calor todo

De Vossa língua


Senhora Lilith,

Que língua

É essa?


Senhora Lilith,

Que língua,

Deliciosa língua,

É essa?


Senhora Lilith,

Que língua,

Que tipo de

Aliviante língua,

Suavizante língua,

É essa?


Meu estresse acaba,

Lilith,

Sua língua lambe

Meu cu...


Meu nervosismo acaba,

Lilith,

Sua língua lambe

Minhas nádegas...


Meu angustiado chorar

Acaba,

Lilith,

Sua língua lambe

Meus ovos...


Meu deprimido revoltar

Acaba,

Lilith,

Sua língua lambe

A cabeça grossa do meu pau...


É o processar de uma

Filosofia Corporal,

A Filosofia De Lilith,

Dialética Do Deserto,

Dialética Depravada,

Dialética De Vertigens!


Língua Dialética

Filosófica Analítica

Trasncendental Imanente

Ao Estado De Estudante

Do Meu Cu,

Das Minhas Nádegas,

Dos Meus Ovos,

Da Cabeça Do Meu Pau!


Tua Língua Poderosa

De Professora Maior!


Tua Língua Da Universidade

Da Universal Depravação!


Tua Língua Da Universidade

Da Universal Devassidão!


Tua Língua Da Univerdade

Da Universal Libertinagem!


Lilith,

Que bom,

Que bom,

Que bom,

Tu inseres

Tua língua

Na abertura

Da cabeça do meu pau,

Sinto a alegria

Da mais pura

Sensação de ser

Por uma Fêmea

Que Tem O Cu

E A Vulva

Sempre à Disposição

Dos Chupadores

De Cus

E De Vulvas

Ensinado

Ensinado

Ensinado

Ensinado

Ensinado

Ensinado

Ensinado

Ensinado

Ensinado

Ensinado

Ensinado

Na Arte Da Língua

Que Não

Vai Parar...


Não pare

De lamber

Meu cu,

Lilith...


Não pare

De lamber

Minhas nádegas,

Lilith...


Não pare

De lamber

Meus ovos,

Lilith...


Não pare

De lamber

A cabeça do meu pau,

Lilith...


Não pare

De lamber

O meu Corpo,

Lilith...


Não pare

De lamber

O meu Espírito,

Lilith...


Não pare

De lamber

A minha Alma,

Lilith...


Língua,

Lambidas,

Aulas magníficas!


Língua

Língua

Língua

Língua

Língua

Língua

Língua

Língua

Língua


Verão,

Sou Teu sorvete,

Lilith,

ME LAMBE

ME LAMBE

ME LAMBE

ME LAMBE

ME LAMBE

ME LAMBE

ME LAMBE

ME LAMBE!!!


Inominável Ser

TODO LAMBIDO

POR

LILITH







Nenhum comentário: