sábado, 23 de outubro de 2010

Dentro Do Meu Envenenar...

Serpents - Erik Jones

Laços De Obras

De Sangue

Foram Erguidos

Às Alturas.

Quem Pode

Mais Do Que Eu

Saber Do Sangue

Cadente Das Alturas?

Esfinge,

O Problema,

A Solução:

Responda Sibilante...

Esfinge Das Eras,

Gigante Tenebroso

Entre As Tenebrosas

Feras...

Esfinge Das Areias

Que Aos Meus Pés

Ardem

E Medem...

Medidos São

Os Meus Infindos

Profundos Domínios

Intrigantes...

Sou A Esfinge,

Sou O Enigma,

Sou O Mistério,

Sou A Solução...

Quem Me Encontra

Sempre

E Não Me Tem

Como Amante?

Quem Me Coroa

Sempre

E Não Me Tem

Como Puta?

Quem Me Come

Sempre

E Não Me Suporta

Nos Braços?

Quem,

Mais Do Que Eu,

Lilith,

Para Ser O Maior

De Todos

Os

Múltiplos Infinitos

Presentes?

Arregacem As

Mangas,

Trabalhem,

Meus Filhos!

Abram As

Pernas,

Trabalhem,

Minhas Filhas!

Cada Viril

Braço

É

Minha Escama!

Cada Buceta

Arreganhada

É

Meu Veneno!

Introduzam-Se

Em Meu Império

Sugando-Me

Na Hora Envenenada!

Rastejem

Em Meu Palácio

Fodendo

A Hora Da Alvorada!

Fodam,

Serpentinas Crianças,

Sou Vossa Mãe

Permissiva,

Devassa,

Cadela,

Vagabunda,

Arreganhada!

Que O Odor

Da Minha Buceta

Estremeça A Origem

Das Fortalezas

Do Antigo Poder

Que Rasteja

Entre As Humanas

Carnes

Que Eu Beijo

Durante O Amor

Que Incendeia

As Camas!

Mi'irae

gasea

intr'a

maie!

Mae'ioap

pasur

inhg'a

laed!

Male'op

apeos

kaisj'a

alsp!

Imitem

Meu Sibilar

E Rastejem

Almejando

Me Alcançar!

Me Alcançar!

Me Alcançar!

Me Alcançar!

Me Alcançar!

Me Alcançar!

Me Alcançar!

Me Alcançar!

Me Alcançar!

Me Alcançar!

A Essência

De Minha Verdade

É O Alcance

De Minha Cidade!

Quem Não Quer

Residir

Nas Moradas

De Minha Cidade?

Inominável Ser

A PREFEITA

LILITH

Technorati Marcas:

2 comentários:

♀♀ Maria Rosa Dias ♀♀ disse...

Olá, querido! Bem interessante seu blog!!

Adoraria que comentasse lá no meu!!


RIOT kisses,
Mari.

Inominável Ser disse...

Agradeço-lhe o comentário, Maria Rosa.