segunda-feira, 14 de outubro de 2013

No Tabuleiro De Doze Cordas



Sibila Morte E Renascimento...


E A Transubstancial
Serpente
Utiliza As Asas
Do
Grande Pavão Universal.


Sibila A Temperança...


E A Fecundadora Do Espírito
Serpentino
Da Criação
Carrega
A Jarra Cósmica.


Sibila O Diabo...


E A Senhora De Tit Aisoun
Convoca
Diabas E Diabos
Para
A Grande Orgia Do Dragão.


Sibila A Torre...


E A Senhora Do Serpentino
Destino
É O Olho Cósmico
Da Luz
De Todas As Libertações.


Sibilam As Estrelas...


E A Vibração Cósmica
Serpentina
É O Raio Do Fulgor
Regenerador
Dos Caminhantes Estelares.


Sibila A Lua...


E Aquela Que É A Lua
Negra
Conquista Verdadeira
O
Império Do Grande Mar.


Sibila O Sol...


E Aquela Que É
Amante
Do Sol Negro
Revela
O Bem E O Mal.


Sibila O Julgamento...


E Aquela Que É
A
Primeira Mulher
Desafia
YAHWEH.


Sibila O Louco...


E Aquela Que É A
Louca
Maior Das Esferas
Está
Desligada Do Espaço/Tempo.


Sibila O Mundo...


E Aquela Que É Total
Criadora
Contempla A Infinita
Roda
Da Eternidade.


Sibila O Rei De Gládios...


E Aquela Que É Guerreira
Indomável
Põe Na Venerável Fronte
O
 Véu A Ser Tecido.


Sibila A Rainha De Gládios...


E Aquela Que É Vaidosa
Governante
De Toda A Carne
Delicadamente
Toca Toda Majestade.


Sibila Lilith...


E O Segundo Jogo
Continua
A Modelar-Se
Nos
Tabuleiros Carnais.


Inominável Ser
JOGADOR
DO SEGUNDO JOGO
DE LILITH

Nenhum comentário: