segunda-feira, 14 de outubro de 2013

No Tabuleiro De Doze Portas



Sibila O Mago...

E A Maga-Serpente
Conduz
Seu Veneno
Pelas 
Correntezas.

Sibila A Papisa...

E A Iniciadora-Serpente
É
O Orvalho
Que
Cai Nas Florestas.

Sibila A Imperatriz...

E A Mãe Cósmica
Serpentina
Reina Sentada
No
Trono Do Abismo.

Sibila O Imperador...

E A Imperatriz-Serpente
Doutrina
Cada Mutação
Corrente
Na Sombra Solar.

Sibila O Papa...

E A Consciência Da
Serpente
Transforma Em Vida
Toda A Areia
Do Grande Deserto.

Sibila O Namorado...

E A Serpente-Mãe Do
Sexo
Separa O Triunfo Da
Graça
Na Fecundação Derramada.

Sibila O Carro...

E A Dominadora Serpente
Potencializa
Sua Negra Face
Refletida
Pela Sua Alva Face.

Sibila A Justiça...

E A Equilibradora Serpente
É
O Espírito Que Aquece
As
Forças Presentes.

Sibila O Eremita...

E A Grande Fêmea Da
Criação
Gera Filhos E Filhas
Na
Transcendente Luxúria.

Sibila A Roda Da Fortuna...

E A Esfinge Que Eterna
Sibila
Sussurra Nos Ouvidos
Abertos
Mistérios E Sortilégios.

Sibila A Força...

E Os Rugidos Da Leoa
BABALON
Unem-Se Aos Uivos Da Loba
Hecate
E Ao Sibilar Escarlate.

Sibila O Enforcado...

E A Enforcada Que Retorna
Dançante
De Seu Cósmico Passeio
Vem
Invertendo A Criação.

Sibila Lilith...

E O Primeiro Jogo
Continua
A Dispor-Se
Nos
Tabuleiros Carnais.

Inominável Ser
JOGADOR
DO PRIMEIRO JOGO
DE LILITH


Nenhum comentário: