segunda-feira, 4 de janeiro de 2016

Estrela De Infinitos Versos



Tu carregas
No sonho
Que se torna
Um porto entre
As suas pernas
A brilhante
Forma Eterna
Da Estrela
Dentro de Ti.

Tu carregas
E eu sonho
Com o brotar
De infinitas
Novas vidas
Dentro de Ti
Ao toque
Do meu rijo
Cometa
Em Teu vácuo
Interior.

Teu brilho
Sai de Tua
Cósmica Buceta,
Vejo alto,
Adiante nos
Caminhos
Entre
A Carne
E O Espírito
Das Estrelas,
A agitação
Que causa a febre
Que pela Eternidade
Contagia
Infinitos
Seguidores do Teu
Curso!

É a febre
De todo Ser,
Estrelas dos
Firmamentos
Que vibram
A favor
Do Grande
Prazer!

É a febre
Dos Loucos Seres,
Estrelas que
Vagam de Veste
Em Veste
Clamando pela
Vivência dentro
Do Grande
Prazer!

É a febre,
A Grande Febre,
Determinante
De cada Estrela
Que tem em Si
A Marca
Do Teu Veneno
Indicando
O Alcance
Do Grande
Prazer!

Tua Marca,
Estrela De Infinitos
Versos,
Estrela-Serpente
Do Grande
Prazer!

Tua Marca,
Estelar Senhora
Do Infinito
Verso
Do Grande
Prazer!

Tua Marca,
Minha Brilhante
Senhora
Que me faz
Um Poeta
Das Estrelas
Da Tua
Constelação,
O Grande Cósmico
Prazer!

Inominável Ser
PARA A
ESTRELA-VERSO
QUE LILITH
É

Nenhum comentário: