terça-feira, 23 de agosto de 2016

A Primeira Cancão Que Ecoa Na Vastidão Das Formas


Nude Stone - Wolfgang Prummer



A Terra Desolada
traz uma Canção
entoada outrora
entre os campos
mais verdejantes
de férteis
auroras.


Eu ouço
essa Canção
como o gemido
das Eras.


Eu toco
nessa Canção
como eremita
sem terras.


Eu sinto
essa Canção
como a primeira
das Esferas…


Canção
que moveu
os primeiros quadris
no primeiro leito
das Terras.


Canção
que seduziu
os primeiros membros
unidos no frenesi
do Primeiro Orgasmo.


Canção
que conduziu
o primeiro gozo
a preencher
o primeiro útero…


E A Primeira
Cantora
Da Carnal
Febre
É Uma Eterna
Serpente
De Outras Terras.


A Primeira Cantora
É A Serpente
Que Sabe Carregar
Todos Os Gozos
De Todos Os Leitos
E O Explodir
De Todos Os Quadris
Entre As Pernas.


Primeira Cantora
Sibilante
Entre Vossas Pernas,
Mortais.


Primeira Cantora
Sibilante
Em Vossos Quadris,
Mortais.


Primeira Cantora
Sibilante
Em Vossos Leitos,
Mortais.


Primeira Cantora
Sibilante
Em Vossos Gozos,
Mortais.


A Primeira Cantora,
A Selvagem,
A Bárbara,
A Inconquistável,
A Insubmissa,
A Vencedora,
A Opositora
Mais Sibilante
Entoando
A Primeira Canção
Mais Luxuriante!


Cancão
Tocada
Eternamente
Nas
Obras
Da
Eterna
Luxúria
Dela
Por
Todas
As
Terras


Inominável Ser
CANTANDO
A PRIMEIRA CANCÃO
DE LILITH




Nenhum comentário: